sexta-feira, 29 de abril de 2011

CLORIDRATO DE CIPROFLOXACINO





Cloridrato de Ciprofloxacino é um princípio ativo que está presente em vários antibióticos. Abrange uma grande variedade bactérias Gram Positivas e Gram negativas e é indicado para vários tipos de infecções bacterianas de amplo espectro.

A indicação principal do Cloridrato de Ciprofloxacino é no tratamento das infecções que acometem nas vias respiratórias. Também pode ser indicado em infecções genitais e prostatites, infecções de pele, ou ainda no tratamento das infecções urinárias. No tratamento Oftálmico é encontrado na forma de colírio e alivia a sensação de ardor e vermelhidão do globo ocular. Mas de forma alguma deve ser utilizado por indicação de amigos, parentes, ou até mesmo porque viu na internet algum comentário ou texto informando sobre suas propriedades, efeitos e utilização. Remédio algum deve ser utilizado sem autorização de um profissional da saúde.

Todo o medicamento deve ser obrigatoriamente indicado por um médico preparado e capaz de diagnosticar seu problema com exatidão. Somente ele tem as condições necessárias para lhe prescrever o medicamento certo que irá atuar diretamente no mal que lhe prejudica a saúde. O uso de antibióticos deve ser feito de forma controlada, pois o uso abusivo de qualquer tipo de remédio, mesmo sendo legalizado como é o caso desse medicamento, precisa ser acompanhado e prescrito. 

O fato da venda ser legalizada não significa de forma alguma que pode ser feita sem um amplo acompanhamento do médico que irá não só lhe prescrever o medicamento, como também acompanhar os resultados e assim mantê-lo ou substituí-lo por algum outro.
A utilização descontrolada ou incorreta deste antibiótico ou de qualquer outro pode fazer com que o organismo se torne imune aos efeitos esperados da medicação e isso prejudicará todo o tratamento posteriormente. O Cloridrato de Ciprofloxacino pode sim, resolver uma série de complicações no organismo, mas somente se for indicado e acompanhado por um médico. Não sendo assim, ao invés de lhe trazer benefícios, poderá resultar em sérias complicações. Somente se, indicado por um médico que lhe examinou, o uso do Cloridrato de Ciprofloxacino deverá ser feito.

O medicamento age através de um bloqueio que é criado contra a enzima (DNA girase) que sintetiza o DNA bacteriano da infecção, dessa forma ocorre uma interrupção no mecanismo de transcrição dos cromossomos e o processo infeccioso é interrompido.

Alguns efeitos colaterais podem ser observados durante o tratamento, são eles: vômito, náuseas, tontura, sensação de cansaço e fraqueza, diarréia, cefaléia, tendinite, confusão e às vezes depressão.
Pode ocorrer também alterações visuais, ou alteração do paladar, também da audição e do olfato.
Em paciente com histórico de problemas hepáticos pode aparecer icterícia colestática. No caso do uso do colírio pode ocorrer ardência no local e em alguns casos formação de crostas abaixo das pálpebras.
Consulte um médico de sua confiança, para que ele possa avaliar o seu caso e lhe prescrever o medicamento melhor indicado para seu problema.


Gostou do Blog?? Cadastre seu E-Mail e Receba as Atualizações:
CLORIDRATO DE CIPROFLOXACINO
Blog DCH- Fotos e Vídeos

3 comentários :

Anônimo disse...

porque o Cloridrato de Ciprofloxacino de alguns laboratórios não tem gosto enquanto que o de outros deixa gosto ruim na boca logo que é tomado, e ainda causa diarreia.

Anônimo disse...

Estou com candidiase fui ate um pronto socorro e a medica me receitou cloridato de ciprofloxacino e uma pomada que nao encontro em lugar nenhum.sera que so o remedio resolve?me ajudem

Anônimo disse...

Estou com tontura e esse remedio esta me deixando com mais ,porque

Postar um comentário

Não encontrou? Pesquise no Google:

Sobre o Autor:

Rafael Zucco
, 30 anos, Palmeirense, Guarulhense e Boa Gente, escreve Profissionalmente em Blogs desde 2008 e gosta de jogar Poker nas horas vagas.